Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

o largo.

porque tudo acontece...

a tocar agora:

vídeo

09.02.20

Morreu Malaca Casteleiro


por Redação o largo.

Henrique Casinhas/Observador/Direitos reservados


O professor e linguista João Malaca Casteleiro, considerado como o "pai" do Acordo Ortográfico de 1990, morreu esta sexta-feira no hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa. A informação apenas foi adiantada à Agência Lusa por uma colega do docente universitário e confirmada pela família a diversos órgãos de comunicação social este domingo. 


Natural da Covilhã, Malaca Casteleiro foi professor catedrático da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e membro da Academia das Ciências de Lisboa. Além disso, foi diretor de investigação no Centro de Linguística da Universidade de Lisboa, presidiu ao Conselho Científico da Faculdade de Letras (1984-1987) e também foi o presidente do Instituto de Lexicologia e Lexicografia (1991-2008. Em 2001, foi feito Grande-oficial da Ordem do Infante Dom Henrique. 


Foi também preponderante na elaboração do Acordo Ortográfico. Em 2008, ao jornal Público, Malaca Casteleiro considerada a unificação da língua como "uma medida de pragmatismo que visa, acima de tudo, promover a língua portuguesa no mundo". 


Até ao momento da publicação deste artigo, não haviam informações sobre quando e onde serão as cerimónias fúnebres. 


Malaca Casteleiro tinha 83 anos. 

publicidade

encontrou um erro? proponha uma correção ou, simplesmente, fale connosco:
webmaster@olargo.pt
estamos no facebook, no twitter e no instagram.
escute a emissão d'torna-se nosso patrono.