Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

o largo.

#informação #entretenimento #rádio

19.05.19

Google suspende negócios com a Huawei


Bruno Micael Fernandes

Google

A Google decidiu suspender os negócios que tinha com a gigante Huawei. A informação foi avançada na noite deste domingo pela agência Reuters, citando uma fonte da empresa. 

Segundo a informação avançada, a Alphabet, empresa que detém o motor de busca e o sistema Android, suspendeu os negócios com a gigante chinesa que requerem transferência de hardware, software e serviços técnicos à exceção daqueles que estão disponíveis sob licença de código aberto. A decisão da empresa norte-americana surge depois do presidente Donald Trump ter colocado, na quinta-feira, a empresa chinesa numa lista negra, colocando restrições a que empresa faça negócios com clientes norte-americanos. 

Segundo a fonte referiu à agência de noticias, "a Huawei só poderá usar a versão pública do Android e não terá acesso a aplicações proprietárias e serviços do Google". Esta decisão também criará problemas diversos ao negócio de smartphones da Huawei fora da China, sendo que os equipamentos perdem, imediatamente, o acesso às atualizações do Android. A próxima geração de telemóveis da Huawei também perderá o acesso às aplicações como a PlayStore, Gmail e Youtube, visto que o acesso a estas necessita de um acordo com a Google. Para quem é utilizador atual dos dispositivos da marca chinesa, caso tenha a PlayStore nos seus dispositivos, poderão continuar a fazer download das atualizações para as suas aplicações (visto que as atualizações são fornecidas via PlayStore ao contrário das atualizações do sistema operativo que são fornecidas pela Google, pelos fabricantes ou pelas operadoras e é este o procedimento que, para já será afetado). 

A Google também vai deixar de fornecer à Huawi acesso, suporte técnico e colaboração que envolva as suas aplicações proprietárias e serviços. 

Até ao momento, não se sabe o impacto global desta decisão. Certo que a Huawei garante que, nos últimos anos, preparou um plano de contingência ao desenver a sua própria tecnlogia caso o uso do Android seja bloqueado. 

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
publicidade