Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

o largo.

#informação #entretenimento #rádio

31.05.19

Angelus TV fecha portas


Bruno Micael Fernandes

Divulgação

O canal Angelus TV termina as emissões esta sexta-feira. A estação de televisão católica portuguesa encerra ao fim de dois anos de atividade devido a dificuldades financeiras. 

Sandra Bastos, diretora do projeto, referiu à Agência Lusa, citada pelo Diário de Notícias, refere que o projeto não encontrou financiamento que sustentasse a continuidade das emissões. "Tem havido várias negociações e foram apresentadas várias propostas mas os valores anunciados não cobriam o passivo da empresa", referiu, acrescentando "não haver condições financeiras" para continuar de portas abertas com um passivo de cerca de um milhão de euros. "A Angelus TV não pode continuar a acumular dívidas". 

Ao todo, catorze colaboradores vão para o desemprego. "Apesar dos ordenados em atraso, a equipa sempre vestiu a camisola e abraçou o projeto de 'corpo e alma'", diz a diretora. 

Entretanto, Sandra Bastos fez um longo comunicado na emissão do canal. Referindo que o projeto foi "um sonho que, ao longo de quatro anos, Deus semeou no meu coração", a decisão de encerrar o canal "não foi tomada sem ponderação mas com muita oração". A diretora do projeto relembrou as dificuldades continuas da Angelus TV em se manter sustentável. "Tivemos uma empresa de publicidade que sempre nos trouxe as melhores perspetivas mas que, afinal, nada deu. Tivemos um particular que assumiu que nos ajudaria no arranque e nunca ajudou", enunciou Sandra Bastos, que lembrou que a equipa "bateu a todas as portas", inclusive à Igreja ou a empresários, e que um comercial "através do contacto direto" conseguiu trazer "feedback positivo" mas o resultado "ainda é muito pouco". Apesar de, em janeiro do ano passado, o canal ter lançado a iniciativa "Madrinhas e Padrinhos" para que os espetadores ajudassem à manutenção do canal, apenas conseguiram 1700 contribuintes e é "pouco para as necessidades que temos. Sabemos que, a longo prazo, seria com eles, madrinhas e padrinhos, que poderíamos contar mas é um caminho moroso para se conseguir a divulgação, o feedback e ajuda que hoje nos é necessária". 

A última transmissão do canal serà às 21h30 com a transmissão do terço em direto da Capelinha das Aparições, no Santuário de Fátima. 

Em março, Sandra Bastos referia que o canal tinha cerca de 50 mil espetadores diários mas que só recebia apoios "pontuais" da Igreja Católica. Nessa altura, o canal foi "bater às portas das 4397 paróquias de Portugal" e às congregações, pedindo apoios. Mas a resposta não foi a esperada "ao referirem que não tinham condições e que já tinham os seus apoios atribuídos", diz. 

Mas tudo pode mudar e o encerramento do canal ainda pode ser evitado. Uma proposta de um investidor, surgida em fevereiro, deu esperança, tendo-se iniciado os preparativos para a "abertura de uma  nova empresa" mas o investidor pediu tempo e não avançou qualquer valor para injetar no projeto. "Se o investidor, entretanto, avançar com o dinheiro", o canal não encerrará as emisões. 

A Angelus TV é um projeto privado de televisão católica. Lançado a 2 de maio de 2017, representa um investimento de 800 mil euros, tendo, na altura, 20 funcionários a tempo inteiro. O canal está presente nas operadores MEO, NOS e Vodafone, para além da emissão online no seu site. 

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
publicidade