Crise na Global Media: Direções do Jornal de Notícias e O Jogo demitem-se em bloco

Conselho de redação do JN diz que decisão é uma “tomada de posição” quanto à situação do grupo.
Divulgação
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 6 meses, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado.

Depois da direção da TSF Rádio Notícias ter pedido a demissão, foi a vez das direções do diário Jornal de Notícias (JN) e do jornal desportivo O Jogo também se demitirem em bloco. A demissão aconteceu esta quarta-feira, mas só esta quinta o Conselho de Redação do JN teve conhecimento do pedido.

Num comunicado citado pela Rádio Renascença, o Conselho diz que a decisão foi recebida com “grande consternação” e que é “uma tomada de posição conjunta dos diretores” quanto à situação no grupo, interpretando a demissão como “um sinal inequívoco de que esta Redação e quem a lidera não aceita que se possa denegrir publicamente um jornal, os seus leitores e até uma região e um país”.

As demissões surgem na sequência de um processo de reestruturação que o conselho de administração do Global Media Group quer levar a cabo, o que inclui a rescisão por mútuo acordo de, pelo menos, 150 trabalhadores, para evitar a falência do grupo. Na passada terça-feira, a direção da TSF pediu a demissão em bloco, alegando não ter condições para concretizar o projeto a que se tinham proposto.

Total
0
Partilhas
Artigo anterior

Informação

Artigo seguinte

Plataforma Closum lança versão 2.0

Há muito mais para ler...