Professores da Universidade do Minho lançam livro “Visão sem segredos” em braille

Publicação pretende facilitar a compreensão do sistema visual, clarificar dúvidas do quotidiano e explicar como se pode manter uma visão saudável.
Universidade do Minho
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 8 meses, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado.

Madalena Lira e Jorge Jorge, docentes do Departamento de Física da Escola de Ciências da Universidade do Minho, acabam de lançar o livro “Visão sem segredos” em braille, para promover a inclusão e sensibilizar neste âmbito. A obra transcreve a edição inicial dos autores publicada pela Contraponto e tem agora a chancela do Centro Professor Albuquerque e Castro (CPAC) – Imprensa Braille da Santa Casa da Misericórdia do Porto.

“Pretendemos ser agentes de promoção da inclusão e de consciencialização da comunidade sobre a importância do braille como meio de comunicação para a plena realização dos direitos humanos das pessoas cegas e com deficiências visuais”, afirmam os autores e a direção do CPAC. O livro tem seis volumes, tendo contado com a transcrição de Laurinda Mota e a revisão de Álvaro Mateus, sob a coordenação de Nuno Malho.

“Visão sem segredos” visa facilitar a compreensão do sistema visual, clarificar dúvidas do quotidiano e explicar como se pode manter uma visão saudável. Através do recurso a imagens e esquemas simples, procura responder a temas e dúvidas relacionados com a visão, como a miopia, o astigmatismo, o uso correto de lentes de contacto ou o que devemos fazer para proteger os nossos olhos das agressões externas.

O CPAC atua no apoio à deficiência e tem na sua génese a produção de materiais em braille, para tornar acessível a invisuais a informação, a cultura e a literacia.

Madalena Lira e Jorge Jorge são licenciados em Física Aplicada – Ramo Ótica com especialização em Optometria e doutorados em Ciências pela UMinho, onde são professores associados e investigadores do Centro de Física.

Este texto é publicado n’o largo. no âmbito do projeto “Cultura, Ciência e Tecnologia na Imprensa“, promovido pela Associação Portuguesa de Imprensa

Total
0
Partilhas
Artigo anterior

“Carros elétricos não são a solução para a transição energética”, diz investigador

Artigo seguinte

Dua Lipa confirmada para o NOS Alive

Há muito mais para ler...