we are social!

Hi, what are you looking for?

vidasaudavel-billboard

Na Rádio & na TV...

Boxes TV da Vodafone com problemas

Problema afeta “centenas de assinantes” e já se arrasta desde o “ano passado”, refere a revista digital NiT.

Vodafone Group
Vodafone Group
Este conteúdo tem 3 meses e poderá estar desatualizado.

“Desespero”: este é o sentimento de vários clientes da Vodafone relativamente às boxes de televisão da operadora. A notícia é da revista digital NiT, que chega a afirmar que as queixas vêm de “centenas de assinantes”, sendo que o problema foi identificado no “ano passado” mas sem solução à vista.

Tudo por causa de um bug

Segundo os vários relatos que chegaram à revista digital, o problema está no facto as boxes deixarem de transmitir som ao fim de algumas horas ligados ininterruptamente, sendo que os utilizadores têm que desligar e reiniciar o serviço. Há relatos no fórum de clientes da Vodafone em que nem isso basta, sendo mesmo necessário trocar de tomada HDMI no televisor para que o serviço de TV volte a funcionar.

A Vodafone não respondeu até ao momento às perguntas da revista digital sobre o assunto mas uma fonte do serviço técnico da operadora indicou que isto é “um bug na programação da box e que só será resolvido na próxima atualização do sistema”. Quando virá a próxima atualização? Não se sabe! Sabe-se apenas que os operadores do serviço de apoio receberam indicações para instruir os clientes a resolverem o problema de forma provisória a partir de casa.

Rescisão? DECO diz que “sim” mas Vodafone diz que “não”!

Apesar da solução tardar, os clientes têm encontrado um muro relativamente à possibilidade de rescindir o contrato por falta de qualidade no serviço. Segundo a revista, “a Vodafone tem repetido aos assinantes queixosos que esta situação não é motivo suficiente para a rescisão dos contratos de fidelização”.

No entanto, a DECO tem outra interpretação sobre o assunto. Andreia Almeida, jurista do gabinete de apoio ao consumidor, indicou à revista que há “legitimidade” por parte dos clientes em “rescindir o contrato unilateralmente sem qualquer compensação financeira para a operadora. Estamos a falar de um caso de falta de apoio técnico e da qualidade dos serviços acordados”, sustenta. Para avançar legalmente com o cancelamento do contrato, primeiro é necessário que o cliente envie uma reclamação oficial por escrito para a operadora através de email, carta registada ou no livro de reclamações online. Se a situação não estiver resolvida ao fim de quinze dias, o cliente pode avançar com o cancelamento sem o pagamento da compensação.

worten-livros
Publicado por

29 anos. Barcelense. Fundador, diretor e redator d'o largo.

também poderás gostar disto.

Televisão

Al Jazeera mantém-se, no entanto, nas restantes plataformas do serviço.

Televisão

Ação da série desenrola-se na fronteira entre a Bélgica e os Países Baixos

Em destaque

Ao todo, são três adições à grelha de canais disponível em mobilidade.

Em destaque

Acordo permitirá "a implementação de um serviço de bibliotecas públicas de qualidade no território"