Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

o largo.

onde tudo acontece...

28.06.18

Adeus Vodafone Mexefest! Olá Super Bock em Stock!


Bruno Fernandes

Diogo Inácio/World Academy/Vodafone Mexefest/Direitos Reservados

 

A Vodafone decidiu deixar de ser o "name sponsor" do festival de inverno em Lisboa. Assim, este ano, já não vai haver o "Vodafone Mexefest". A informação é avançada esta quinta-feira pela Meios & Publicidade que cita fonte oficial da operadora. 

O evento, organizado pela Música no Coração (MC), passa a ter um novo "name sponsor": a Super Bock assume o lugar vago deixado pela antiga Telecel, ressuscitando assim o "Super Bock em Stock", realizado entre 2008 e 2010.

O festival será apresentado à imprensa já no próximo dia 03 de julho. 

A relação da Música no Coração com a marca de cerveja não é nova. A promotora é proprietária da SBSR.fm, rádio associada ao festival "Super Bock Super Rock", também organizado pela MC. 

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo.
28.06.18

Pornhub permite legendas para surdos


Bruno Fernandes

Pornhub/Direitos Reservados

 

O Pornhub, a conhecida plataforma de vídeos para adultos, anunciou uma nova funcionalidade: legendagem para surdos ou para pessoas com alguma dificuldade auditiva. 

Ao todo, estão disponíveis mais de mil vídeo legendados numa categoria própria. Num comunicado enviado às redações, Corey Price, vice-presidente da empresa, aponta a importância em servir todos os indivíduos, independentemente da suas dificuldades: "Ao integrar esta nova categoria, estamos aptos a tornar alguns dos nossos mais populares conteúdos para adultos mais agradáveis para os utilizadores com dificuldades auditivas". Para além da disponibilização das legendas, tal como nas legendas no nosso Teletexto, apresenta tons de fala e descrições dos sons envolvidos no filme. Permite ainda a personalização do tipo de letra, tamanho e cor. 

Já em 2016, o portal havia lançado uma categoria de vídeos com áudio-descrição destinada a pessoas cegas. 

Os projetos de acessibilidade do portal foram financiados pela divisão filantrópica da empresa, também conhecida como "Pornhub Cares". A título de curiosidade, esta divisão apoia projetos de conservação da natureza, programas de educação sexual e bolsas escolares. 

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo.
26.06.18

Racismo: Prémio Laura Ingalls foi desbatizado


Bruno Fernandes

Today/Direitos Reservados

 

A imprensa internacional diz que "o politicamente correto atacou novamente". O Prémio Literário Laura Ingalls Wilder foi desbatizado devido ao facto de se considerar que a obra da escritora norte-americana ser racista. 

A autora faz parte da cultura norte-americana e escreveu Uma Casa Na Pradaria, que deu origem à série da NBC com 205 episódios, emitida em Portugal durante a década de 80 na RTP. 

Segundo o The Gardian, a Associação de Bibliotecas Infantis [ABI] (tradução livre de Association for Library Service to Children) votou, no passado sábado em Nova Orleães, por maioria absoluta, a alteração do nome do prémio. A votação foi de doze votos a favor e nenhum contra. O galardão agora chama-se "Prémio do Legado da Literatura Infantil". 

Citada pelo Le Figaro, a organização diz que "as obras de Wilder são objeto de estudos e de análises literárias que frequentemente destacam os sentimentos anti-ameríndios e anti-negros". 

Já em 2017, a Associação Americana de Bibliotecas [AAB] (American Library Association) havia proposto a alteração do nome do galardão devido ao facto de sentir que os valores de diversidade e inclusão não eram consistentes com um "legado complexo" da escritora. A associação referia que os livros de Uma Casa Na Pradaria refletem "sentimentos racistas e anti-nativos e que não são universalmente aceites". O The Gardian apresenta alguns exemplos deste racismo incluído nos livros de Wilder: a frase "O único índio bom é um índio morto" surge três vezes ao longo de Uma Casa Na Pradaria e, no livro Nas Margens de Plum Creek, a personagem Mary diz a Laura: "Tu vais ficar parda como uma índia. O que é que as raparigas da cidade vão pensar de nós?". 

Num questionário dirigido aos bibliotecários, cerca de 300 membros da AAB referiram que o nome do prémio deveria ser mudado, devido ao "impacto negativo que os livros de Wilder tinham nos leitores" e o "racismo" presente nas obras. Por seu turno, cerca de 150 membros não concordavam com a mudança. Estes achavam que a alteração seria "censura" e uma cedência à "pressão do politicamente correto", sendo que não se pode julgar as pessoas do passado a partir dos padrões da atualidade. 

Numa declaração conjunta, Jim Neal, presidente da AAB, e Nina Lindsay, presidente da ABI, dizem que Uma Casa Na Pradaria "tem um lugar significativo na história da literatura infantil". Parecendo concordar com os 150 membros da AAB, os responsáveis sempre vão dizendo que os livros são "um produto das experiências de vida [de Wilder] e a perspetiva como colono na América de 1800". Neal e Lindsay defendem que a mudança do nome do prémio não pode ser visto como uma tentativa de censura dos livros de Wilder mas sim como "um esforço em alinhar o título do galardão com os valores base da ABI".

A alteração dos nomes de prémios pode não ficar por aqui, estando a AAB a estudar outras mudanças. 

Laura Ingalls Wilder foi uma escritora nascida em 1867, tendo falecido em 1957. Uma Casa Na Pradaria, de oito volumes, foi publicada entre 1932 e 1943. A primeira edição do prémio agora desbatizado foi entregue pela própria Wilder em 1954. 

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo.
24.06.18

"Viana e o Mar" é mote para concurso de fotografia


helena margarida

Divulgação

O Centro de Mar de Viana do Castelo está a promover a 2ª edição do concurso de fotografia “Viana e o Mar 2018”, destinado a todos os fotógrafos profissionais e amadores.

O concurso pretende desafiar a criatividade e a originalidade dos participantes e fomentar a observação e o registo de diferentes formas de olhar e promover Viana do Castelo enquanto cidade náutica, através de um olhar documental ou artístico sobre as zonas costeiras e ribeirinhas, o turismo balnear, os desportos náuticos e as atividades económicas ligadas ao mar.

Os interessados em participar podem consultar o regulamento e descarregar a ficha de inscrição no site do CMIA – Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental de Viana do Castelo.

Os vencedores serão anunciados a 16 de julho.

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo.
24.06.18

Quinta do Pôpa apresenta novos tintos


helena margarida

Direitos Reservados

"Pôpa TN" e "Pôpa VV", ambos da colheita de 2014, são as novas referências que chegam ao mercado pelas mãos do enólogo João Menezes e que resultam de um trabalho escrupulosamente acompanhado na vinha e na adega pelos irmãos Stéphane e Vanessa Ferreira, os co-proprietários da Quinta do Pôpa.

O Douro em garrafa, região tradicionalmente de Vinhas Velhas que dão néctares com história como agora o "Pôpa VV tinto 2014" cujas uvas colhidas numa parcela de vinha especial com mais de 80 anos e mais de 21 castas típicas desta região resultam num blend de excelência. A vinificação em lagar com o corte feito a pisa a pé preserva um Douro Vinhateiro com séculos de tradição. Após a fermentação alcoólica em lagar com controlo de temperatura, estagiou em barricas novas e usadas de carvalho francês e americano por um período de 12 a 15 meses. O resultado é um vinho de um vermelho rubi e de aromas frescos com notas mentoladas, enquadradas numa suave sensação floral e tostada. No palato, a frescura dá seguimento a um centro de boca com bom volume e tanino macio. O final de boca é intenso e marcante.

O "Pôpa TN tinto 2014" tem na sua cor rubi e no aroma floral a prova da casta nobre da região vinhateira mais antiga do mundo: a Touriga Nacional. No nariz enaltecem as notas de violetas envolvidas numa madeira discreta que atribuem ao vinho a sua complexidade aromática. A frescura inicial evolui para um centro de boca equilibrado entre volume e estrutura, e uma acidez evidente desde o início até ao fim de boca. Uma produção de 2.200 garrafas, feita a partir da Touriga Nacional de uma parcela de vinha previamente seleccionada. Na adega, a fermentação ocorreu de forma natural e submetida a temperatura controlada e uma leve extracção da componente fenólica. Seguiu-se o estágio em barricas de carvalho francês usadas (de 2.º ano) de 500 litros.

Os dois tintos chegam ao mercado com PVP €26,70 e €17,00.

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo.
24.06.18

Já há cartaz para o Music Resort das Festas da Praia da Vitória


helena margarida

Divulgação

Gabriel, o Pensador, Crazy Town, Nelson Freitas, Dillaz, Carolina Deslandes, Miguel Araújo, Blaya e Bárbara Bandeira irão marcar presença no Music Resort, que irá decorrer de 3 a 11 de agosto, no âmbito das Festas da Praia 2018.

O modelo da festa sofreu um alteração estratégica, "de forma a promover um ambiente mais agradável e acolhedor", fez saber Carlos Costa, vereador da cultura da Câmara da Praia da Vitória. "Procedemos a uma alteração no Palco da Avenida. Este será mais leve e ágil, de modo a facilitar a sua montagem. Dada a concentração de pessoas neste local e também para a uma diversificação musical, iremos promover concertos cujos géneros musicais promovam um ambiente familiar e acolhedor, nomeadamente o jazz, a bossa nova e a música ligeira," disse.

Adelino Jesus, responsável da MIA - Produção e Gestão de Eventos, salientou o trabalho e a qualidade na criação do cartaz do Music Resort, em parceria com o Município da Praia da Vitória. "O cartaz deste ano foi concebido de forma a agradar os diversos públicos de diferentes faixas etárias, sempre sem perder o enfoque em bandas que se encontram em ascensão. Queremos primar pela irreverência, contando com um rol de artistas inconfundíveis," frisou.

No dia 03 de agosto, o Music Resort acolhe a atuação da banda portuguesa de rock alternativo Blasted Mechanism, seguindo-se atuação dos dj´s terceirenses Souza e Rod' Ávila. Para o sábado, 04, está previsto o espetáculo da cantora portuguesa Bárbara Bandeira, assim como o de Krash, dj português. O último momento musical da noite será protagonizado pelo dj Perrox, artista terceirense. No dia 05, a noite será abrilhantada pela cantora e bailarina portuguesa Blaya, seguida da atuação de Funking Awesome by Gonçalo Ferro. Mais tarde, atua ainda o dj terceirense, K7. A 06, sobe ao palco do Music Resort o rapper português Dillaz, assim como o grupo nacional Putzgrilla. A dj terceirense Mary-Jane atuará no final da noite. No dia 07, sobem ao palco do Music Resort a banda americana Crazy Town, bem como a dupla Keretus. A noite encerrará com atuação do dj local Rodrigo do Ó. No dia seguinte, 08, a noite inicia-se com o concerto de Nelson Freitas, seguindo-se a apresentação de Yen Sung, dj portuguesa, natural de Moçambique. O dj John C integra o último momento musical deste dia. Para o dia 09, está agendado o concerto da cantora portuguesa Carolina Deslandes. Seguem-se ainda o dj Sherpa, e o dj açoriano, Luís Bravo. A 10, decorre o concerto do músico Miguel Araújo, seguido do dj holandês Sebastian Hooft. Mais tarde, atua ainda Afonso, dj açoriano. O último dia,11, inicia-se com o concerto do rapper brasileiro Gabriel, o Pensador. No decorrer da noite será realizado um tributo aos Daft Punk, seguindo - se a atuação de Ramboiage (dj português).

Este ano as Festas da Praia estão concessionadas à empresa MIA - Produção e Gestão de Eventos pelo valor de 84 mil e 960 euros (valor sem IVA), a autarquia "assumirá os aspetos logísticos necessários à realização da Festa. Sabemos que o sucesso do responsável pele empresa MIA, Adelino Jesus, será também o sucesso das Festas da Praia e da Câmara Municipal", considerou o o presidente da autarquia praiense, Tibério Dinis.

Os preços para as pulseiras gerais atingem os 35 euros, sendo as diárias no valor máximo de 15 euros. As datas e locais onde poderão ser adquiridos os vouchers e pulseiras de acesso serão anunciados em breve.

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo.
publicidade

Pág. 1/4