Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

o largo.

#informação #entretenimento #rádio

17.05.18

José de Pina sai do "Prolongamento"


Bruno Micael Fernandes

Facebook José de Pina

 

José de Pina decidiu sair do programa "Prolongamento", emitido na TVI 24, anunciou o próprio num comunicado na sua página de Facebook. 

O comentador afeto ao Sporting decidiu abandonar o formato depois do momento de tensão com Pedro Guerra, comentador afeto ao Benfica no mesmo programa, na passada segunda-feira. Considerando que o projeto que aceitou foi "desvirtuado", José de Pina diz que era uma decisão que "estava a ser ponderada há algum tempo" mas que "o lamentável incidente no programa de segunda feira foi o fim da linha daquilo que considero um programa de entretenimento saudável". 

"Muitas das expressões que criei no programa estão agora no imaginário dos Sportinguistas. O que, como argumentista, me dá a saborosa sensação de que algo foi construído. Mas como não gosto de ser arrastado para “sítios" que nunca frequentei, nem quero frequentar, e como senti que a força do “buraco negro” estava a puxar-me cada vez com mais força, resolvi fazer como o James Kirk da nave Enterprise da serie Star Trek, accionei a velocidade Warp 7. Podia tê-lo feito há mais tempo? Talvez. Não sei. Foi no timing do meu profissionalismo, consciência e Sportinguismo.", refere o agora ex-comentador televisivo.

O incidente entre José de Pina e Pedro Guerra aconteceu na última emissão do programa Prolongamento, na passada segunda-feira, com o comentador afeto ao Benfica a ameaçar fisicamente José de Pina, depois deste ter dito que Guerra era "um nojo de pessoa" e ter chamado "animal". 

 

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
17.05.18

Festival Algarve Jazz Gourmet Moments chega amanhã a Lagos


helena margarida

Divulgação

É já a partir desta sexta-feira, 18 de maio, que Lagos acolhe o Festival Algarve Jazz Gourmet Moments, um evento que alia gastronomia gourmet ao melhor do jazz. Os principais concertos do festival vão decorrer entre 25 e 27, pelas 21h30, no Centro Cultural de Lagos. Aliado à música poderá aproveitar a ocasião, entre 18 e 27, para degustar um dos vários Menus Jazz Gourmet, especialmente concebidos para o evento pelos restaurantes parceiros e disponíveis a partir de 20€ por pessoa. A acompanhar as iguarias estará o som de jazz ao vivo nas várias Jazz Sessions.

Programação

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
17.05.18

Orquestra de Guimarães assinala Dia Internacional dos Museus no Paço dos Duques


helena margarida

Divulgação

A residência artística da Orquestra de Guimarães será apresentada amanhã, sexta-feira, 18 de maio, Dia Internacional dos Museus, no Paço dos Duques de Bragança. O concerto, com início às 21h30, terá reportório constituído por duas importantes obras musicais dos séculos XIX e XX: Concerto para Violoncelo e Orquestra em Mi menor de Edward Elgar, e Sinfonia nº 5 em Dó menor, de Ludwig Van Beethoven.

O Concerto para violoncelo e orquestra em Mi menor, op. 85, de Edward Elgar, é uma das obras-primas do repertório para violoncelo e a derradeira grande obra do compositor inglês. O concerto foi escrito no natal da Primeira Grande Guerra, numa época bastante fecunda para Elgar, durante a qual compôs a Sonata para violino em Mi menor, op. 82 (1918), o Quarteto de cordas em Mi menor, op. 83 (1918) e o Quinteto com piano em Lá menor, op. 84 (1918-19). O falecimento da esposa, Alice, em 1920, mergulhou-o numa profunda depressão que prejudicou irreversivelmente a sua veia criativa a partir dessa data.

No caso da Quinta Sinfonia de Beethoven, a obra começou rapidamente a ganhar um estatuto quase mítico Numa muito influente recensão crítica, publicada em 1810, E. T. A. Hoffmann descrevia o modo como a obra “nos revela o reino do extraordinário e do incomensurável”, como “movimenta a alavanca do terror, do medo, do pavor, da dor, e desperta aquela infinita saudade que é a essência do Romantismo”, e como mesmo nos momentos a seguir ao fim da performance o “ouvinte sensível não conseguirá ainda sair do maravilhoso reino espiritual, onde foi circundado pelo prazer e pela dor sob a forma de sons”.

A solista convidada é a violoncelista Carina Albuquerque, num concerto em que a Orquestra de Guimarães será conduzida pelo seu maestro titular Vítor Matos. A entra no Paço dos Duques de Bragança é livre.

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
17.05.18

Maria José Frazão apresenta "Amar e Mar" na Biblioteca D. Dinis em Odivelas


helena margarida

Divulgação

A Biblioteca Municipal D. Dinis, em Odivelas, recebe no próximo dia 19 de maio, às 17h, a apresentação do livro «Amar e Mar», de Maria José Frazão. Uma obra que, segundo a autora, pretende focar o Amor e o Mar na imensidão de todas as suas facetas com todo o seu esplendor e a valorização do Amor e do Mar na Existência Humana: “Amar e Mar … Essência do Meu Ser, representa um marco importante no meu crescimento pessoal e foi essencialmente vivido e escrito em agosto de 2007 em Armação de Pêra. Através destas palavras, pretendo abordar o paralelismo sublime que existe entre o Amor e o Mar, ambos essenciais à Vida, ambos fazendo parte dela, ambos Essência do Meu Ser. Que cada leitor possa redescobrir-se ao longo do caminho por entre este ondular e fascinar-se com o valor e respeito que oferece amar e mar.”

A apresentação desta obra terá Rosa Anhos como oradora convidada e o acompanhamento musical do conjunto Grano Salis.

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
17.05.18

“Uma Noite no Mar” de Alfredo Cunha no Museu de Ílhavo


helena margarida

Divulgação

O Museu Marítimo de Ílhavo acolhe, a partir do dia 19 de maio, a exposição fotográfica “Uma noite no Mar”, de Alfredo Cunha, que ficará patente ao público até ao dia 30 de setembro.

A abertura da sessão comemorativa do Dia Internacional dos Museus, agendada para as 16h30 de sábado e com entrada gratuita, contempla a apresentação do catálogo e a visita guiada à exposição conduzida pelo próprio Alfredo Cunha e por Aníbal Lemos.

Esta mostra inédita de 40 registos fotográficos de Alfredo Cunha espelha a experiência do conceituado fotojornalista, numa noite, como pescador e tripulante a bordo da traineira “Henrique Cambola”, de Matosinhos, à pesca da sardinha.

“Uma noite no Mar”, em vésperas de um S. João, regista as águas de estanho da noite, exalta os gestos do mestre e dos pescadores, praguejando entre si, içando as redes e sacudindo o peixe miúdo, e restabelece a harmonia das máquinas de navegar com os caçadores de peixes.

Historicamente, a pesca da sardinha é a grande pescaria portuguesa, tendo sido raros os anos em que as capturas de sardinha não ocuparam o primeiro posto nos desembarques registados nos portos e Iotas de Portugal.

Alfredo Cunha nasceu em 1953, em Celorico da Beira. Em 1970 iniciou a sua carreira profissional em fotografia publicitária e comercial e no ano seguinte, em 1971, a sua carreira de fotojornalista no "Notícias da Amadora". Colaborou com o Jornal “0 Século” e "O Século Ilustrado” (1972), a Agência de Notícias Português - ANOP(1977) e as agências de Notícias de Portugal (1982) e Lusa (1987).

Foi fotógrafo Oficial dos Presidentes da República Ramalho Eanes e Mário Sores. Em 1996 recebeu a Comenda da Ordem do Infante D. Henrique.

Trabalhou no Jornal “Público” como fotógrafo e editor-chefe entre 1989 e 1997, e integrou o grupo Edipresse como fotógrafo-chefe. Em 2000 começou a trabalhar na revista semanal Focus. Em 2002 colaborou com Ana Sousa Dias no programa de TV "Por Outro Lado” na RTP2. Entre 2003 e 2009 foi fotógrafo e editor-chefe do “Jornal de Notícias·. De 2010 a 2012 foi diretor fotogr8fico da “Global Imagens".

Atualmente trabalha como freelancer, desenvolvendo projetos editoriais.

Mas em Dia Internacional dos Museus há mais para ver no Museu Marítimo de Ílhavo. Sexta-feira, 18 de maio a entrada é livre no Museu até às 24h00 e no Navio-Museu Sto. André entre as 10h00 e as 18h00. No sábado, 19 de maio, há Oficina Escrita Criativa, com Pedro Chagas Freitas (10h00-13h00 - custo: 10,00€ - 15 px); Sessão de Yoga para famílias (10h00 - custo: 6,00€/adulto+criança, crianças entre os 3 e os 7 anos – 16 px) e Visita especial “Mergulhador por um dia” (11h00 – custo: 3,00€ - 25 px).

No domingo, 20 de maio haverá Receitas da Gastronomia de Bordo (16h30 - gratuito, sujeito a inscrição prévia em turismo@cm-ilhavo.pt); Territórios com História: O Mar, as Pescas e as Comunidades e Showcooking e visita gastronómica interpretada (16h30 - gratuito, sujeito a inscrição prévia em turismo@cm-ilhavo.pt)

Mais informações e inscrições através do telefone 234329990 ou visitas.mmi@cm-ilhavo

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
17.05.18

Mosteiro de Santa Maria de Salzedas de portas abertas para celebrar Dia Internacional e Noite dos Museus


helena margarida

Divulgação

O Museu de Lamego assinala o Dia Internacional dos Museus, 18 de maio, com entrada livre e para o dia 19 propõe uma programação especial com a celebração da “Noite dos Museus” no núcleo museológico do Mosteiro de Santa Maria de Salzedas. Esta “saída” para o território é a resposta ao desafio lançado pelo Conselho Internacional de Museus - ICOM, “Museus hiperconectados: novas abordagens, novos públicos”.

Divulgação

Os dias 18 e 19 de maio vão ser de arte, cultura e gastronomia no Mosteiro de Santa Maria de Salzedas, desenhadas com o traço da identidade singular do território, abrindo o mosteiro para um dia de descobertas e experiências únicas. Música, jogos, teatro, visitas, conversas, piqueniques e instalações visuais vão fazer deste mosteiro cisterciense o palco do Ciclo “Dias do Património a Norte”.

O Mosteiro abre-se para proporcionar um dia de descobertas e experiências singulares. Haverá visitas com quem melhor conhece os seus recantos, estórias e memórias, e conversas sobre Paisagem Cultural. O piquenique será servido pelas mãos de um Chef que tem o foco do seu trabalho na riqueza dos produtos locais e sazonais, reinterpretações da Baga do Varosa (o conhecido sabugueiro). Em família irá ouvir-se uma história, vinda de longe, sobre a importância da água e da sustentabilidade dos recursos naturais. Duas das comunidades locais apresentam uma performance musical e uma instalação visual. E, quando a noite se fizer chegar, um dos claustros do Mosteiro será ocupado para ouvir a inconfundível Aldina Duarte e o seu último trabalho, “Quando se ama loucamente”.

A “Noite dos Museus” começa logo pela manhã do dia 19 com um jogo-descoberta, prolongando-se pela tarde e noite com música, teatro, visitas, conversas, piqueniques, instalações visuais que contam com a participação da própria comunidade.

Dias do Património a Norte é um evento em rede promovido pela Direção Regional de Cultura do Norte e que, ao longo de seis meses (de abril a setembro), vai transformar oito lugares patrimoniais da região Norte, em palcos de uma programação artística, cultural e gastronómica, desenhada com o traço da identidade singular de cada território. Em cada local, uma estória, um sabor, uma tradição, uma descoberta, estimulando uma dinamização cultural em locais de valor patrimonial inesgotável, criando sentimentos de descoberta e de pertença.

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
17.05.18

Preston Duncan no “Sax@Sul” em Portimão


helena margarida

Divulgação

O “Sax ao Sul” – II Encontro de Saxofone do Algarve realiza-se em Portimão, entre os próximos dias 18 e 20 de maio. Serão três dias de Masterclasses e Concertos de música erudita, que irão ter lugar no Auditório da EBS da Bemposta e no TEMPO – Teatro Municipal de Portimão.

Esta segunda edição realiza-se sob o mote “o Saxofone e os Estados Unidos da América” e conta com a participação do prestigiado músico Preston Duncan da Universidade de Minnesota, que ministrará as Masterclasses de Saxofone Clássico.

Divulgação

Amanhã, dia 18 de maio, o programa abre com uma receção dos participantes, agendada para as 16h00 na Casa Manuel Teixeira Gomes, seguido de dois Concertos, um com Preston Duncan e outro com os Elletric.PT Colletive, pelas 21h30, no Pequeno Auditório do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão.

No Sábado, dia 19 de maio, as Masterclasses começam pela manhã e terminam às 19h00 com o saxofonista Preston Duncan, no saxofone clássico. No mesmo dia, às 21h30, o Auditório da EBS da Bemposta recebe o concerto Dithyrambos. Na antiga Grécia o ditirambo era uma forma poética em honra do deus Dionísio, esta ode era cantada e dançada, acompanhada por vários instrumentos, num ritual cerimonioso bastante eufórico e desenfreado.

Filipe Valentim, saxofonista fundador do grupo “Uma coisa em forma de Assim” junta-se ao percussionista Vasco Ramalho para um novo projeto musical. Ambos a residir no Algarve há já vários anos decidiram juntar percussões, marimba, saxofones, flauta e afins à maravilha das tecnologias. Instrumentos e máquinas prometem dar uma nota diferente a este encontro.

No dia 20 de maio, domingo, das 10h00 às 13h00, realiza-se mais uma Masterclass ministrada pelo saxofonista, Preston Duncan e pelas 14h30 terá lugar no Auditório da EBS da Bemposta, uma Palestra “O Saxofone – (que) Estado da Arte”, com José Massarrão e Preston Duncan.

Esta iniciativa é organizada pela EBS da Bemposta em parceria com a Contramaré - Associação Cultural de Portimão.

Inscrições para as Masterclasses

estamos no facebook e no twitter.
visita também a bilheteira do largo. e torna-te patrono.
publicidade